Muda de vida

Perdida entre mil teorias, números e figuras meio abstractas, o bichinho de me levantar da cadeira, virar as costas ao computador e produzir qualquer coisa de pálpavel e com a qual me identifique intensifica-se. Falta o saber como e a coragem de arriscar pisar terreno desconhecido.

Entretanto inspiro-me na “loucura” de outros. Loucura bem sucedida, entenda-se. Os “smoothies” são deliciosos e a embalagem linda (e reciclável). O marketing da companhia convence qualquer “muesli eater-guardian reader” e, talvez por isso, vendem como pãezinhos quentes apesar do preço:

In the summer of 1998 when we had developed our first smoothie recipes but were still nervous about giving up our proper jobs, we bought £500 worth of fruit, turned it into smoothies and sold them from a stall at a little music festival in London. We put up a big sign saying ‘Do you think we should give up our jobs to make these smoothies?’ and put out a bin saying ‘YES’ and a bin saying ‘NO’ and asked people to put the empty bottle in the right bin. At the end of the weekend the ‘YES’ bin was full so we went in the next day and resigned.”

Deixe um comentário

Filed under Sem-categoria

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s