Nunca pensei chegar um dia a este ponto

Dei por mim a citar numa discussão uma passagem do Principezinho. Quando eu citar uma daquelas belezas  do caminho e das pedras do Fernando Pessoa que serão não dele mas de qualquer doméstica delicodoce inspirada pelos conselhos do programa da tarde da Fátima Lopes todos os que me rodeiam estão autorizados e obrigados a auxiliar-me na eutanásia.

1 Comentário

Filed under Sem-categoria

One response to “Nunca pensei chegar um dia a este ponto

  1. Espero que não tenha sido o essencial é invisível aos olhos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s